Por Redação |autoindustria@autoindustria.com.br

A Citroën lançará oficialmente, na segunda quinzena de maio, o  Jumpy Minibus, versão de passageiros do utilitário fabricado no Uruguai  e lançado aqui no segundo semestre do ano passado para transporte de carga.

É, como diz a fabricante, o segundo produto de sua ofensiva de veículos comerciais na América do Sul, que ainda este ano colocará no mercado um novo Jumper, modelo maior que deixou de ser fabricado no Brasil e retornará importado.

O Jumpy Minibus pode transportar onze pessoas – motorista mais dez passageiros – e utiliza o mesmo motor turbo diesel 1.6 BlueHDi, que desenvolve 115 cavalos, acoplado a uma caixa de câmbio manual de seis velocidades.

jumpy minibus

Motorista e dez passageiros têm bancos individuais reclináveis

Apesar de estar nas concessionárias somente em meados do mês que vem, os interessados poderão comprá-lo imediatamente em regime de pré-venda, com preço de lançamento de R$ 118.600,00.

O modelo, montado sobre a plafaforma EMP2, dispõe de controle de estabilidade (ESP), assistente de partida em rampa (Hill Assist) e cintos de segurança de três pontos para todos os ocupantes.

Vendido em versão única, tem ainda de série direção eletrohidráulica, ar-condicionado, vidros e travas elétricas, bancos reclináveis, computador de bordo, rádio FM/AM/MP3 e faróis de neblina.

Segundo a Citroën, o Jumpy Minibus deve ter no segmento de serviços urbanos seu principal público. A nova versão está exposta até esta terça-feira, 10, na Feira do empreendedor do Sebrae de São Paulo.

Ao lado, está exposta a versão de carga, lançada em outubro e que, desde então, já teve 450 unidades vendidas, 137 delas no mês passado, com catálogo Pack, o mais completo, respondendo por 80% do total, conforme Frida Lickel, diretora comercial da Citroën.


Fotos: Divulgação/Citroën