Por Redação | autoindustria@autoindustria.com.br

Apesar de ter registrado queda de 7,9% em abril com relação a março, a produção de veículos na Argentina segue em alta no comparativo anual. Foram fabricadas 45,8 mil unidades no mês passado, volume 21,4% superior ao do mesmo mês de 2017.

No acumulado do quadrimestre, a indústria argentina produziu 156,4 mil veículos, um aumento de 20,4% em relação aos 129,9 mil dos primeiros quatro meses do ano passado.

As vendas no atacado atingiram 72,7 mil veículos em abril, avanço de 6,8% sobre idêntico mês de 2017. Nos primeiros quatro meses do ano chegaram a 290.495 unidades, evolução de 13,8% em comparação com as vendas do mesmo período do ano anterior. As exportações, que atingiram 19,9 mil unidades em abril, totalizaram 77,5 mil no quadrimestre, com alta de 31,4%, no comparativo interanual.

“Com o comportamento registrado nos primeiros quatro meses, mantemos as projeções estimadas para o ano anunciadas recentemente”, disse Luis Fernando Peláez Gamboa, presidente da Adefa, a associação eu representa as montadoras argentinas.

Leia mais

Indústria automobilística argentina produz 20% a mais no trimestre

Pelas últimas estimativas da Adefa, a produção de veículos deve atingir 565 mil unidades, este ano, o que representaria alta de 20% sobre as 472 mil de 2017. A indústria do país vizinho e o governo argentino têm meta de o setor atingir produção de 1 milhão de veículos em 2023.


Foto: Divulgação/Adefa