Por Redação

O ano começou movimentado para a Mercedes-Benz no segmento em que atua o Sprinter. Embalada com a reconquista da liderança ano passado, quando suas vendas na categoria saltaram 31%, para 6.327 unidades, contra as 4.814 do ano anterior, a montadora já tem vendas de 1.154 vans e furgões da linha para serem entregues ao longo de 2018.

Segundo Jefferson Ferrarez, diretor de vendas e marketing vans da fabricante, o aumento da demanda no transporte coloca no horizonte da empresa uma estimativa de crescimento de 15% nos negócios do segmento.

“Furgões e chassis responderão especialmente ao crescimento do e-commerce, varejo e licitações na área de atendimento da saúde, além de identificarmos também crescimento de demanda para transporte de passageiros, especialmente em lotação, fretamento, turismo e escolar.”

Leia mais

→Mercedes-Benz começa o ano com o pé no acelerador

Anúncio

→Mercedes-Benz comemora 500 ônibus vendidos em janeiro

Somente em janeiro, a Mercedes-Benz somou licenciamentos de 572 unidades do Sprinter, o que representou uma alta de 54% sobre o mesmo período do ano passado e participação de 39% no segmento de 3,5 a 5 toneladas de peso bruto total (PBT).

Do total emplacado no mês passado, 300 unidades foram destinadas ao transporte de passageiros, volume que permitiu a montadora anotar alta significativa de 73% na comparação o resultado de um ano antes, além de abocanhar 67% do mercado de vans, 25 pontos porcentuais acima do que tinha em janeiro de 2017.

“Fretamento e turismo puxaram as vendas no mês passado, com clientes dos estados de São Paulo, Minas Gerais, além dos Distrito Federal, como principais compradores de vans para o transporte de passageiros”, resume Ferrarez.


Foto:Mercedes-Benz/Divulgação