Com receita bruta de R$ 2,7 bilhões, a Movida fechou 2018 com lucro líquido recorde de R$ 160 milhões, valor 143% superior ao registrado no ano anterior.

Com resultados crescente há seis trimestres consecutivos, a empresa tem hoje um caixa de R$ 812 milhões. De acordo com comunicado da empresa, a expansão do mercado de aluguel de carros tem possibilitado à Movida selecionar aonde crescer, o que contribui para a geração de melhores resultados.

Com 12 anos de operações no Brasil, a Movida tem hoje frota total de 93 mil carros. “Dispomos da única plataforma multimodal de mobilidade no Brasil”, afirma o CEO Renato Franklin. “O uso de inteligência na cadeia de mobilidade e o estímulo a novas iniciativas permitirão ganhos importantes para o conforto de milhões de pessoas que se deslocam em nossas cidades diariamente”.