Wilson Francisco Júnior

Francisco Júnior encaminha contratos com empresas alemãs

A Lepe, fornecedora de peças de ferro fundido cinzento, nodular e ligados, completa 70 anos em 2019. Com fábrica em Guarulhos (SP), a empresa vende 95% dos componentes que produz para o mercado interno. O principal objetivo agora é aumentar as exportações especialmente para a Europa, revela o diretor comercial Wilson de Francisco Júnior.

Segundo o executivo, já estão sendo negociados contratos com empresas alemãs que poderão gerar faturamento anual da ordem de € 6,5 milhões anuais. Hoje os maiores mercados externos da empresa são Estados Unidos, China, Tailândia e Argentina.

Anúncio

A ideia é que os negócios no exterior cheguem a 10% das peças vendidas já em 2020 — dobrem a participação, portanto. “Temos nossas características de produção. Não somos uma empresa de grandes lotes, por isso os clientes muitas vezes nos procuram para produzir peças com requisitos técnicos específicos e bem diferenciados,” acrescenta Augusto Koch Júnior, diretor de fundição.

A Lepe opera atualmente com cerca de 50% de sua capacidade produtiva de 1.500 toneladas mensais. Em 2011, bateu o recorde com 1.350 toneladas mensais, patamar que a direção espera retormar somente em dois ou três anos, com a melhoria do mercado.

Ainda assim, a empresa já prepara área em Guarulhos com 3,6 mil m² para receber unidade de usinagem que aumentará a capacidade produtiva atual de 1,5 milhão para 3,5 milhões de peças usinadas anuais.

LEIA MAIS

→Exportação de autopeças para os EUA cresce 15%

→Dos 470 associados do Sindipeças, 360 são PMEs


Foto: Divulgação/Lepe