A norte-americana Tesla apresentou o Plaid, versão atualizada do Modelo S, lançado há quase uma década e que agora, mais uma vez,  se candidata a carro de luxo mais rápido do planeta. Esteticamente, no entanto, o sedã é praticamente o mesmo de quando foi apresentado em 2012.

Como de costume, Elon Musk, CEO da Tesla, disse que seu novo produto está bem à frente dos potenciais concorrentes e que foi projetado para um futuro de carros integralmente autônomos.

“Carros de energia sustentável podem ser os mais rápidos, os mais seguros, os mais incríveis em todos os sentidos”, disse o polêmico criador da Tesla durante a apresentação realizada na fábrica de Fremont, Califórmia, onde entregou as primeiras 25 unidades. Sem meias palavras, acrescentou: “É [o Model S Plaid] mais rápido do que qualquer Porsche, mais seguro do que qualquer Volvo”.

Tesla Model S

Anúncio

De fato, números do S Plaid declarados oficialmente pelaTesla impressionam: o modelo, equipado com três motores elétricos que desenvolvem 1.020 cavalos, acelera de 0 a 100 km/h em menos de 2 segundos e pode alcançar 320 km/h. A autonomia com uma carga de bateria está estimada em 628 km., mas em apenas 15 minutos na tomada o Plaid pode rodar 300 quilômetros.

Com preço da ordem de US$ 130 mil nos Estados Unidos, Musk calcula vendas de cerca de 4 mil unidades mensais a partir do próximo trimestre e identifica no sistema de entretenimento um dos grandes atrativos do Plaid, além do desempenho de superesportivo. Ele o compara a um PlayStation5.

Nos automóveis autônomos, interpreta o executivo, o entretenimento se tornará o centro das atenções, já que o usuário vai ter tempo e disponibilidade para jogar, assistir filmes ou navegar pela internet.

Tesla Model S


Foto: Divulgação