Foram vendidos na primeira quinzena de dezembro 104,1 mil veículos no mercado interno, resultado que manteve a média  de 10 mil veículos por dia útil, mas sem o crescimento histórico de dezembro, como visto em anos anteriores. Houve, sim, crescimento de 11% sobre a primeira quinzena de novembro, mas queda de 10% sobre o mesmo período de dezembro de 2019.

No acumulado, o setor amarga a queda de 27,8%, com 1.822.146 unidades vendidas em onze meses e meio. No mesmo período do ano passad,o foram licenciados 2.523.305 carros e comerciais leves.

Com 18.702 unidades, a Fiat fechou a quinzena na liderança. Foram apenas algumas unidades a mais do que a GM, segunda colocada, que vendeu 18.694, mas o resultado  indica que a marca italiana encerra o ano com potencial para disputar a liderança em 2021,  que terá também a Volkswagen no páreo.

É difícil medir o potencial de cada uma das três grandes neste final de ano devido à falta de veículos para entrega. A redução da produção este ano, em função da paralisação quase total nos meses de março e abril devido à pandemia,  desabasteceu o mercado e deixou o consumidor sem opção de compra. As concessionárias estão sem estoque.

Anúncio

Mas, com 7,2 mil unidades a mais do que a Volkswagen e 13,8 mil à frente da Fiat, a GM tem mais chances de encerrar 2020 mais uma vez como a marca mais vendida no Brasil. Na quinzena, a GM fez dobradinha no ranking por modelo, com o Onix vendendo 7.052 unidades e o Onix Plus 5.993.

Depois das três grandes, a Hyundai se destaca na quarta posição, com 9,3% de participação, bem à frente das concorrentes Ford, Toyota, Jeep e Renault, que  ficaram na faixa dos seis pontos porcentuais.

Honda,com 4%, e Nissan, com 2,6%, fecham a lista das dez marcas mais negociadas, enquanto a Caoa Chery se consolida na décima-primeira posição.

Modelos – O Chevrolet Onix vendeu 7.052 unidades, bem à frente do Chevrolet Onix Plus, com 5.993 unidades e do Hyundai HB20, terceiro colocado, com 4.847 licenciamentos. A marca coreana colocou também o Creta entre os dez mais, com 2.938 unidades na quinzena.

A picape Strada ficou em quarto lugar e a Fiat tem mais dois representantes no top 10:  Argo, em quinto, e Toro, em oitavo. Ford Ka,  Jeep Renegade, VW T-Cross e VW Gol fecham a lista dos dez veículos mais  vendidos.

 

MARCAS MAIS VENDIDAS

MarcaMil UnidadesVariação (%) 20/21
1° Fiat Fiat102,4 34,5
2° Volkswagen Volkswagen86,0(-0,4)
3° General Motors Chevrolet74,8(-21,0)
4° Hyundai Hyundai47,1 9,5
5° Jeep Jeep34,0 29,0
6° Renault Renault33,3(-19,4)
7° Toyota Toyota33,1(-20,6)
8° Honda honda20,8(-13,6)
9° Nissan nissan17,1(-20,5)
10° Ford Ford16,2(-63,0)
jan-março/2021

Foto: Pixabay