A Citroën apresentou nesta quinta-feira, 16, o Novo C3. O modelo, agora um SUV compacto, será fabricado na planta da Stellantis em Porto Real, RJ, a partir do primeiro trimestre do ano que vem.

Em transmissão mundial pela internet e com a presença do CEO global da Citroën, Vicent Cobée, o responsável pelas operações da Stellantis na América do Sul, Antonio Filosa, confirmou que a estratégia de crescimento da marca francesa na região engloba, além do Novo C3, outros dois produtos com cronograma de lançamento para os dois anos seguintes.

Os três veículos integram o chamado projeto “C-Cubed”, apresentado em 2019 , e  objetiva  que a marca tenha “uma oferta competitiva, com um estilo forte, uma experiência Citroën pensada para o bem-estar a bordo e concebida para adaptar-se às especificidades dos países a que se destina”.

“O projeto C-Cubed vai inaugurar um novo capítulo da história da Citroën na nossa região”, pontua enfaticamente Filosa.

Novo C3

Anúncio

Hoje a Citroën vende no Brasil somente o C4 Cactus, também fabricado no sul-fluminense, e os importados comerciais leves Jumpy e Jumper, nas versões de carga e passageiros. Com essa linha ainda restrita, a marca detém 1% do mercado brasileiro no acumulado dos oito primeiros meses de 2021, com  13,8 mil unidades emplacadas, sendo 11,6 mil do Cactus.

Ainda assim, o número representa crescimento de 47% sobre as vendas de igual período do ano passado e mais do que o dobro da média do mercado interno.

Montado sobre a nova plataforma CMP (Common Modular Platform), o SUV compacto nascerá com índice de conteúdo local acima da média atual da marca, afirma Filosa, que programa a chegada do novo carro a outros mercados sul-americanos até o fim de 2022.

Cobée, entretanto, deixou em aberta a possibilidade de exportações para além da América do Sul. Citou, por exemplo, mercados da África e Oriente Médio como potenciais compradores do Novo C3, que já é fabricado também na operação da Stellantis da Índia, portanto uma potencial concorrente para as exportações do modelo a partir de  Porto Real.

LEIA MAIS

→ Novo Citroën C3 será apresentado no dia 16

Apesar das dificuldades, Stellantis mantém otimismo com o Brasil


Foto: Divulgação