Por Redação

Curitiba (PR) iniciará renovação da frota de ônibus urbanos partir do início de 2018. Para não perder o bonde da oportunidade, a Scania apresentou às autoridades municipais locais modelo configurado de acordo com exigências e especificações técnicas requisitadas pelo sistema de transporte de passageiro da cidade.

A maior aposta da Scania no processo de licitação que virá é o novo biarticulado F 360 HA. O modelo, com 28 metros de comprimento, é destinado para operar em corredores exclusivos, o chamado sistema BRT. O veículo tem motor dianteiro de 360 cv e torque de 1.850 Nm, de acordo com a fabricante o maior da categoria, associado a uma caixa automática da Allison de 6 marchas.

Com carroceria Caio, o veículo é configurado como 8×2 e capacidade de carga de 43,5 toneladas. Sai de fábrica com suspensão pneumática, controle de tração, sistema EBD de distribuição de força de frenagem e freio auxiliar retarder. Transporta até 270 pessoas, o equivalente a tirar das ruas 135 carros com dois ocupantes.

Anúncio

Segundo o prefeito de Curitiba, Rafael Greca, o modelo ainda deverá passar pela inspeção técnica da Urbs, o órgão gestor do sistema de transporte urbano da cidade para “verificar se as especificações são compatíveis com os requisitos estabelecidos”. Greca ainda adiantou que em março chegarão os primeiros 25 biarticulados, o que inicia a fase de renovação. Até 2020, no entanto, a cidade receberá em torno de 450 novos ônibus de diversas categorias.

“Queremos participar da licitação de vários tipos de modelos. Nossas soluções para a mobilidade urbana vão desde os modelos padrón e dos articulados ao biarticulado. É um leque completo que oferece serviços adequados a cada perfil de operação com grandes benefícios atrelados à conectividade”, destaca Silvio Munhoz, diretor de vendas de ônibus da Scania no Brasil.


Foto: Scania/Divulgação