Por Redação

François Dossa comandará a Alliance Ventures

A Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi acaba de lançar um novo fundo de investimento, a Alliance Ventures, que tem por objetivo investir até US$ 1 bilhão para apoiar projetos de inovação nos próximos cinco anos. O anúncio da criação da Alliance Ventures, que será comandada pelo ex-presidente da Nissan do Brasil, François Dossa, foi feito na quarta-feira, 10, pelo chairman e CEO da Renault-Nissan-Mitsubishi, Carlos Ghosn, na CES – Consumer Electronics Show 2018, que acontece em Las Vegas, EUA.

Leia mais Feira de tecnologia CES, mas também salão do automóvel

O fundo prevê investir só no primeiro ano até US$ 200 milhões em startups e parcerias de inovação, com empreendedores da área de tecnologia com foco em novas mobilidades, inclusive eletrificação, sistemas de condução autônoma, conectividade e inteligência artificial.

“Nossa estratégia para inovação aberta nos dará condições de investir e firmar parcerias com startups e empreendedores da área de tecnologia, que se beneficiarão da escala mundial da Aliança. Este novo fundo reflete o espírito colaborativo e empresarial que está no cerne da Aliança”, comentou Carlos Ghosn ao anunciar o novo fundo de investimento.

O objetivo é fazer da Alliance Ventures o maior fundo de capital empreendedor corporativo na indústria automotiva durante o período do plano estratégico de médio prazo Alliance 2022, lançado em 2017 pela Renault-Nissan-Mitsubishi.

Anúncio

De acordo com o grupo, o novo fundo é único porque oferece aos potenciais parceiros acesso em escala global às área de atuação da Renault-Nissan-Mitsubishi, que vendeu mais de 10 milhões de veículos em 2017, por meio de dez marcas, e está presente em todos os principais mercados automotivos mundiais.

O primeiro investimento estratégico da Alliance Ventures tem como foco a promissora Ionic Materials, empresa americana que desenvolve materiais em estado sólido para baterias livres de cobalto.

A aquisição de participação no negócio acontece ao mesmo tempo em que a empresa e a Aliança assinam um acordo de desenvolvimento conjunto para cooperações em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D). Com sede em Massachusetts, a Ionic Materials é pioneira no desenvolvimento de um eletrólito polimérico sólido que permite melhorar a performance e o custo-benefício de baterias de alta densidade de energia para automóveis e inúmeras outras aplicações.

Além do investimento em capital empreendedor inicial de US$ 200 milhões, as empresas membro da Aliança estão investindo um total de mais de € 8,5 bilhões anuais em P&D.

A iniciativa complementa a estratégia da Aliança em buscar receitas adicionais, reduções de custos e controle de gastos, em áreas que incluem eletrificação, sistemas de condução autônoma e conectividade veicular.

A Aliança vai lançar doze modelos 100% elétricos até 2022, por meio da utilização de plataformas veiculares e componentes comuns para veículos elétricos, além de lançar 40 veículos com tecnologia de condução autônoma e desenvolver serviços de transporte robotizados sob demanda.

Por meio de seu plano estratégico Alliance 2022, a Renault-Nissan-Mitsubishi estima que a receita total de suas empresas membro chegue a US$ 240 bilhões, com volumes de vendas anuais superiores a 14 milhões de unidades até o fim de 2022.


Fotos: Divulgação/Renault