Por Redação

A Toyota Motor Corporation comercializou em todo o mundo mais de 1,52 milhão de veículos eletrificados no ano passado, antecipando resultado que havia programado apenas para 2020. O volume de 2017 representa um aumento de 8% em relação ao obtido em 2016, indicando novo recorde de negócios da marca nesse segmento.

A meta de vendas de veículos elétricos-híbridos consta do Desafio Ambiental da Toyota de 2050, que programa chegar a 5,5 milhões de unidades já em 2030. No acumulado de sua história, a empresa já comercializou 11,47 milhões dessas unidades, representando uma redução de mais de 90 milhões de toneladas de CO2 comparado a vendas de veículos convencionais equivalentes.

“Em apenas 20 anos, vimos as vendas de novos veículos eletrificados aumentarem de 500 unidades para mais de 1,5 milhão”, disse Shigeki Terashi, vice-presidente executivo da Toyota Motor Corporation.

Esse desempenho, na avaliação do executivo, atesta a qualidade, durabilidade e confiabilidade dos clientes nos veículos eletrificados da marca. “Devido à demanda crescente, estabelecemos uma base sólida e sustentável para a produção em massa de um portfólio mais diversificado e avançado deste tipo de veículo.”

Anúncio

Desde a introdução em 1997, no Japão, do primeiro motor eletrificado comercialmente disponível no Prius, a Toyota tem trabalhado para melhorar a tecnologia, tendo lançado seu primeiro veículo elétrico movido à célula de combustível, o Mirai, em 2014, a quarta geração do Prius em 2016 e a segunda geração do veículo elétrico plug-in Prius em 2017.

Para atingir as metas do programa Desafio Ambiental 2050, a Toyota revelou planos de ter dez modelos BEV (elétricos de bateria) disponíveis ao redor do mundo no começo dos anos 2020 e, em torno de 2025, lançar uma versão eletrificada disponível para todos os modelos de seu portfólio global.


Foto: Divulgação/Toyota