A montadora japonesa e a UFSC, Universidade Federal de Santa Catarina, assinaram memorando de entendimento com o objetivo promover soluções para baterias usadas por veículos elétricos. Inicialmente, a Nissan fornecerá seis baterias de Nissan LEAF utilizados como táxis nas cidades de São Paulo e do Rio de Janeiro. De acordo com a fabricante, depois de utilizadas as baterias ainda têm uma grande capacidade de carga e abastecimento. Um dos estudos já pensados no acordo com a universidade trata da criação de sistemas de armazenagem de energia para gerar eletricidade independente da rede elétrica convencional, os chamados Xstorage Buildings.