OGrupo CSC, conglomerado mineiro de empresas de transporte de passageiros com matriz na cidade de Viçosa, adquiriu 86 ônibus urbanos Mercedes-Benz, que serão entregues até o final deste mês.

Do total, 56 unidades serão utilizadas pela Expresso Planalto, que a partir de março passa a prestar serviço de transporte coletivo no município de Pouso Alegre. As demais trinta unidades destinam-se à renovação de frota da Ansal – Auto Nossa Senhora Aparecida Ltda, que opera em Juiz de Fora.

Segundo Walter Barbosa, diretor de vendas e marketing Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil, o atendimento a essa nova demanda do Grupo CSC reforça ainda mais a presença da marca em Minas Gerais: “Fechamos 2018 com 86% de participação no segmento de urbanos no Estado, o que representou 2 pontos percentuais a mais em relação aos 84% do ano anterior”.

LEIA MAIS

Mercedes-Benz domina as vendas de caminhões em janeiro

Mercedes-Benz: continuidade do crescimento a toque de caixa.

A Expresso Planalto iniciará a nova operação do transporte coletivo urbano de Pouso Alegre com 41 ônibus OF 1519 e 15 micro-ônibus LO 916. Para a Ansal, são 18 unidades do OF 1519 e 12 do modelo OF 1721 L com suspensão pneumática.

Anúncio

De acordo com a Mercedes-Benz, as empresas que utilizarão os ônibus da marca serão beneficadas com menor consumo de combustível e reduzido custo operacional, o que se traduz em maior rentabilidade. O Grupo CSC é um cliente tradicional da marca e tem uma frota de mais de 1 mi ônibus.

Além de ser líder no segmento em Minas Gerais, a Mercedes-Benz também é a primeira no ranking de vendas de ônibus urbanos em Recife, PE. A marca liderou esse mercado no ano passado com 55% de market share, 5 pontos porcentuais a mais em relação aos 50% de 2017.

Contribui para esse aumento de participação, conforme comunicado da fabricante, a venda de 158 ônibus nos últimos quatro meses para renovação de frota de nove viações. Foram 141 modelos urbanos e 17 para fretamento.

Em 2018, a Mercedes-Benz aumentou em 24% as vendas totais de ônibus no Brasil em relação ao ano anterior, com 7.458 unidades emplacadas. Dessa forma, manteve sua liderança no segmento acima de 8 toneladas de PBT, com mais de 51% de participação, sendo 80% em urbanos e 55% em rodoviários.


Foto: Divulgação/Mercedes-Benz