Mais um ano começa a ficar para trás. Muitos concordam, não foi um período fácil. O País viveu tragédias – o rompimento da barragem de Brumadinho (MG) não deixa esquecer – e, de maneira frequente, polêmicas com cara e jeito de retrocesso.

No campo econômico o Brasil até agora cresceu menos do que se esperava, embora indicadores apurados a partir do segundo semestre, como os leves aquecimentos na produção industrial e na geração de emprego, além dos juros em queda e a inflação controlada, estabeleçam um horizonte mais iluminado.

O setor automotivo, no entanto, responsável por volta de 25% do PIB industrial do País, mais uma vez encerrará o ano em crescimento, com vendas internas de 9%, para mais de 2,8 milhões de unidades de acordo com a projeção da Anfavea.

A pedra no caminho foi a crise na Argentina, que derrubou as exportações – a estimativa é de queda de 33%, com 420 mil veículos – e desacelerou a produção. Se no início do ano a Anfavea projetava alta de 9% para 3,1 milhões de unidades fabricadas, chegou em novembro esperando crescimento de 2%, para pouco mais 2,9 milhões de veículos.

Ainda no setor automotivo, pode se dizer que 2019 foi o ano dos caminhões ou pelo menos a consolidação da recuperação do mercado que perdeu no período de 2014 a 2017. Até novembro, a expansão das vendas ultrapassou 68 mil unidades, registrando alta de quase 36% em relação a 2018.

Anúncio

Em ano de Fenatran também, o segmento mostrou avanços, com ferramentas de trabalho mais seguras, econômicas e conectadas, o que eleva o patamar tecnológico do universo de transporte no País.

Com 2020 na porta, o site AutoIndústria tem muito a comemorar. Há pouco mais de dois anos no ar, a página já se mostra como uma das principais fontes de informação da cadeia produtiva do setor automotivo, superando 20 mil usuários ativos por mês e taxa de rejeição abaixo de 50%.

A jornada bem-sucedida do AutoIndústria até aqui só foi possível pelo apoio dos parceiros, que acreditam no projeto, e pelos leitores, razão principal para o portal existir. A esses, os nossos mais sinceros agradecimentos.

A partir de hoje, 18 de dezembro, o AutoIndústria entra em recesso até 6 janeiro, mas segue em regime de plantão, de olho nos acontecimentos do setor. A equipe aproveita e deseja a todos, parceiros e leitores, boas festas e um próspero 2020.


Foto: Mohamed Hassan/Pixabay