A Toyota fez oficialmente nesta quinta-feira, 23, o lançamento mundial do Yaris Cross, seu SUV compacto baseado na plataforma TNGA-B, já utilizada no Yaris europeu.

O modelo, que deveria ter sido apresentado no Salão de Genebra, cancelado em função da pandemia da Covid-19, será vendido a partir do segundo semestre no Japão com motor 1.5 e no ano que vem com motorização híbrida  na Europa.

Não há previsão de lançá-lo no Brasil. A montadora encaminha projeto de um utilitário esportivo compacto que será fabricado em Sorocaba, SP, a partir de 2021, sobre a atual geração do hatch e sedã nacionais.

Por utilizar outra plataforma, o Yaris Cross deve, no máximo, ser utilizado como base para alguns aspectos estéticos do futuro Toyota que concorrerá na faixa de entrada dos SUVs brasileiros.

Anúncio

O Cross, que será fabricado no Japão e na França, mede 4,18 m de comprimento e 1,76 m de largura. A distância entre-eixos de 2,56 m é a mesma da nova geração do Yaris, lançada em outubro de 2019.  O modelo é ligeiramente menor do que, por exemplo, o Jeep Renegade, que mede 4,23 m e tem entre-eixos de 2,57 m.

Se a atual geração chegou apenas em 2018 no Brasil, o Yaris estreou mundialmente há onze anos, em 1999, e já acumula 8,7  milhões de unidades vendidas em todo o mundo.

LEIA MAIS

→ Toyota adia retomada da produção para junho

→Vendas declinantes sinalizam último ano do Toyota Etios


Foto: Divulgação