Com as linhas de montagem paradas desde o fim de março, a fábrica da DAF, em Ponta Grossa (PR) retomou a produção de caminhões e motores na segunda-feira, 4. As atividades retornam de maneira gradual e a partir de novas orientações nas rotinas internas.

A fabricante reforçou medidas sanitárias com oferta de álcool gel em diversos pontos da fábrica e intensificou a desinfecção dos ambientes dos comuns. Aos colaboradores distribuiu máscaras de tecidos, além de entregar kits de higiene pessoal e verificar temperatura no portão de entrada da fábrica.

Cuidados redobrados

Na linha de produção, o trabalhador deve preservar distância de 1,5 metro, utilizar máscara facial e equipamentos de proteção específicos à atividade. Pouco antes do fim de cada turno, o colaborador foi orientado a higienizar a estação de trabalho. Nos escritórios, novo leiaute interno permitiu garantir distanciamento entre os funcionários. Determinados limites de pessoas também passaram a valer em salas de reunião e, em especial no restaurante, com escalas de horário e redução de assentos disponíveis.

Anúncio

De acordo com Lance Walters, presidente da DAF Caminhões Brasil, a prioridade no momento é garantir segurança e proteger a saúde dos funcionários. “Com cuidado redobrado e adoção de novas ações, poderemos dar continuidade ao trabalho para atender também às necessidades de nossos clientes. Aos poucos, estamos retomando a rotina, baseado em todo o planejamento feito durante a quarentena para manter o negócio operante, bem como a integridade de todos os profissionais.”

LEIA MAIS

→DAF avança em participação no mercado de pesados


Foto: DAF/Divulgação