Omodelo que colocou a Volkswagen Caminhões e Ônibus na disputa do segmento na faixa de até 3,5 tonelada, o Delivery Express, DLX, como a fabricante passou a adotar, completa dois anos desde que começou a chegar nas concessionárias. De lá para cá, o caminhão já somou 5,6 mil unidades emplacadas no País, conforme dados do Renavan.

O DLX estreou no mercado brasileiro para fazer frente a pequenos utilitários urbanos, mas sem deixar de entregar identidade visual e robustez de caminhão. Classificado como comercial leve, permite que qualquer motorista habilitado na categoria B possa conduzi-lo e, por ter rodado simples na traseira, paga pedágio como um automóvel.

O veículo se mostra versátil para atender ampla gama de aplicações, em especial nas operações de distribuição urbana de carga. Mas também tem vocação receber plataformas de auto socorro, caçambas para carga seca e no apoio de manutenção de redes elétricas.


Foto: VWCO/Divulgação