A aceleração do processo de eletrificação dos veículos nos principais mercados mundiais pode ser mensurada por uma importante notícia desta segunda-feira, 25: a Shell pretende comprar a alemã Ubitricity, uma das maiores empresas de serviços de carregamento de carros elétricos da Europa.

A Ubitricity já dispõe de cerca de 4,2 mil pontos de recarga em ruas da Alemanha, França e Reino Unido e a negociação com a Shell deve esquentar a disputa desse mercado, que ganhou ainda mais impulso depois que o Reino Unido revelou que proibirá a venda de  veículos com motores a combustão até 2030 —e só lá a empresa alemã tem perto de 2,  mil pontos ou 13% do mercado.

A investida no segmento elétrico comprova que a Shell, que já desenvolve projetos com energia solar, não pretende mais manter todos seus ovos na cesta em que aposta desde sua criação, há 113 anos. E a mudança está sendo rápida. A ideia é que a compra da Ubritricity esteja concluída até o encerramento deste ano.

Anúncio

“As opções na rua, como o carregamento em postes de luz oferecido pela Ubitricity, serão fundamentais para quem vive e trabalha nas cidades ou tem acesso limitado a estacionamentos fora das vias. Seja em casa, no trabalho ou em viagem, queremos fornecer opções de carregamento acessíveis”, afirmou István Kapitány, chefe do negócio de mobilidade global da Shell.

LEIA MAIS

→ BYD fornecerá 1 mil ônibus elétricos para Bogotá

Toyota detém 68,7% do mercado de carros eletrificados


Foto: Divulgação