Por Joel Leite 

        

Um seminovo pode ser uma boa opção para quem quer se livrar do troca-troca de marchas no trânsito pesado, mas não pretende investir num modelo OK com câmbio automático ou automatizado. O carro novo com trâmissão automática mais barato é o Toyota Etios X 1.3, que custa em média R$ 51 mil . Já a opção mais em conta para um automatizado é o Fiat Mobi Drive GSR, vendido por R$ R$ 45.450.

O mercado de seminovos, porém,  você tem opções mais baratas. Pelo preço de carro pequeno OK pelado dá pra comprar um seminovo que o livrará do incômodo das trocas de marchas. São carros com três, quatro anos de uso, mas tem até modelo 2015 nessa faixa de preço.

Selecionamos 27 modelos com câmbios automático ou automatizado que podem ser comprados no mercado de usados por preços em torno de R$ 30 mil.  A Chevrolet tem seis carros no segmento: Agile 1.4 modelos 2012 e 2013,  Meriva Premium 1.8  2012 e três versões do Sonic 1.6, o LT hatch 2012, o LTZ hacht e o sedã, ambos também 2012.

O mercado oferece também o Citroën C4 ano 2012 e o Peugeot 2007 modelo 2013. O Peugeot 307 hatch ano 2012 também pode ser encontrado nessa faixa de preço.  Da marca Nissan existem três opções de automáticos no mercado de usados, todos 2012:  Tiida, Livina S e o SL.

Todas as demais opções no são da Volkswagen: seis versões do Gol, quatro do Voyage, três do Up e duas do Fox. São elas: Fox 1.6 2013, Fox 1.6 2012, Gol G6 1.6 2015,Gol G6 1.6 2014 2 portas, Gol G6 1.6 2014 4 portas, Gol Power G5 1.6 2013, Gol Power G5 1.6 2012, Gol Power G6 1.6 2012, Up 1.0 2015, Up 1.0 2014, Up 1.0 2013,Voyage G6 2012,Voyage G5 2012, Voyage G5 2013,Voyage G5 2012.

Anúncio

•Kwid é vice-líder

Logo no primeiro mês de venda o pequeno Kwid levou a Renault à sua melhor posição no ranking em dezenove anos de Brasil. Com 10.360 unidades, o carro, classificado como utilitário esportivo, ficou em segundo lugar no ranking por modelos, atrás apenas do Onix.

•Renault em quarto

O bom desempenho do novo lançamento levou a Renault ao quarto lugar no ranking, logo após as três grandes: GM, Fiat e Volkswagen. De uma só vez a francesa desbancou Hyundai, Ford e  Toyota, num mês com vendas de 193.580 unidades e crescimento de 24,9% sobre setembro do ano passado.

• JAC dobra as vendas

A JAC obteve aumento de vendas expressivo em setembro, com alta de 108% em relação a setembro de 2016 e  308 unidades negociadas. A expectativa da empresa é de retomada do crescimento e na aposta do recém-lançado modelo T40, já bem aceito no mercado.

• Hyundai pode comprar a FCA

A chinesa Great Wall, está interessada na compra da FCA – Fiat Chrysler Automóveis. O simples interesse dos chineses fez tremer os estadunidenses, que farão de tudo para não ver a tradicional Chrysler nas mãos dos chineses. Assim, surge a possibilidade de a Hyundai adquirir o controle acionário da FCA. Para os EUA, antes a Coreia do que a China.

•Viajando numa cápsula a 1.200 km/h

Uma espécie de trem movido por propulsão elétrica de baixo consumo alimentado por painéis solares é a proposta da ABDI, a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial, para a solução do transporte de médias e longas distâncias. É o Hyperloop, sistema ultrarrápido que atinge 1.200 km/h (velocidade de um avião), uma cápsula semelhante a um trem-bala que levita por meio de magnetismo, quase sem atrito. O projeto é idealizado pela Tesla, fabricante de carro elétrico. A ABDI considera fundamental para o Brasil encampar esse projeto, que pode revolucionar o transporte de cargas e de passageiros.

 

* Joel Leite é jornalista, palestrante e criador da Agência AutoInforme, agência especializada no setor automotivo. (e-mail joelleite@autoinforme.com)