Por Redação

A indústria de implementos rodoviários fechou importantes negócios durante a Fenatran, que encerra-se nesta sexta-feira, 20, no São Paulo Expo, na capital paulista. Balanço da Anfir, Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários, sobre a participação de 23 associadas indica a venda de150 unidades no segmento de leves (carroceria sobre chassis) e de quase 2 mil no de pesados (reboques e semirreboques).

“A Fenatran consolidou o movimento de recuperação que a indústria está experimentando nos últimos meses”, comentou Alcides Braga, presidente da Anfir, ao divulgar os dados consolidados durante a maior importante mostra do setor de transporte da América Latina.

Os números da Anfir referem-se apenas aos negócios fechados na feira. Para os próximos meses, a partir dos contatos lá realizados, é esperada a finalização da venda de mais 1,2 mil implementos, em sua maioria pesados.
Braga disse que as empresas presentes na Fenatran acreditaram no sucesso da feira logo em seu início: “Desde o primeiro dia todos perceberam que esta Fenatran seria diferente. O ambiente de negócios estava mais forte, tornando possível a realização de tantos negócios”.

Anúncio

Além dos produtores de implementos rodoviários, a Anfir também representa os fabricantes de componentes para o setor. A estimativa entre as associadas nessa categoria é a de ter fechado negócios da ordem de R$ 17,5 milhões. O volume corresponde a pedidos tirados durante o evento e os encaminhados durante a feira para os próximos meses.

“Em todos os estandes ocupados por empresas associadas à Anfir o movimento de busca de informações e negociações foi bastante elevado”, comentou Mario Rinaldi, diretor executivo da Anfir. Não podemos comparar com outras edições porque estamos saindo de uma crise profunda, mas sem dúvida alguma o saldo para todos os participantes é positivo”.


Fotos: Divulgação Anfir