Por Redação

O Grupo PSA caminha rápido para integrar a sua recém-adquirida divisão Opel-Vauxhall. Apenas cinco meses depois da compra, o conglomerado francês decidiu reunir em uma única organização, já a partir de janeiro,  as atividades de compras e qualidade da Peugeot/Citroën/DS (PCD) e da Opel/Vauxhall.

Com todas as divisões sob o mesmo guara-chuva, a empresa busca aumentar a eficiência e poder de compra devido à maior escala. Esse unificação, projeta a PSA, pode representar, no longo prfazo, até 30% de todas as sinergias esperadas da integração da Opel/Vauxhall ao Groupe PSA.

“As equipes comuns de compras da PCD e OV na Europa estão mobilizadas para alcançar os ambiciosos objetivos que o Grupo estabeleceu. Graças a essa interação, poderemos aumentar a eficiência de nossos processos de fornecimento, contribuindo assim para a execução de nossos planos”, disse Yannick Bézard, vice-presidente executivo de compras do conglomerado francês.

A nova organização deve gastar anualmente algo como € 38,8 bilhões somente na Europa. “Os relacionamentos com os fornecedores serão simplificados, com o estabelecimento de pontos de contato únicos para fornecedores com um volume significativo de atividade”, explica a PSA.