O Salão de Paris, que abre as portas para o público neste dia 4, está longe de representar uma farta oferta de novidades para os consumidores brasileiros. Ao contrário, quase nada do que será exibido na mais tradicional mostra automobilística mundial, que completou 120 anos, desembarcará aqui. Pelo menos no curto prazo.

Por enquanto, o único modelo que tem lançamento assegurado no nosso mercado — além de caríssimas exceções de Mercedes-Benz e BMW — é o Citroën C5 Aircross. Ainda assim, a marca pertencente à PSA nem ao menos confirmou a data da chegada de mais esse utilitário esportivo. Provalvmente, não antes do segundo semestre do ano que vem.

c5 citroen

Anúncio

O modelo foi apresentado nesta terça-feira à imprensa no estande da marca, mas é bastante conhecido dos asiáticos. Isso porque já é produzido e vendido há algum tempo na China. O C5 Aircross para o mercado europeu, porém, sairá da fábrica francesa de Rennes e a própria plataforma EMP2 do SUV já está presente nas ruas europeias com o Peugeot 3008.

LEIA MAIS

→Citroën projeta vender 60% a mais no mundo em cinco anos

→Citroën apresenta o C5 Aircross

Com 4,50 metros de comprimento, tem três bancos traseiros individuais, deslizantes, escamoteáveis e reclináveis. Será o ferecido na Europa com motorizações a gasolina e a de 130 cv a 180 cv. Na China tem o polivalente motor 1.6 THP e a transmissão automática de seis marchas, conjunto mecânico explorado muito pela PSA nos modelos que produz na América do Sul, como os Citroën C4 Lounge ou o recém-lançado C4 Cactus.


Foto: Divulgação/Citroën