Para quem gosta de automóveis de luxo, uma visita ao estande da Audi na edição de 2018 do Salão do Automóvel é quase obrigação. A marca alemã terá como destaque o novo A8, um dos mais sofisticados e tecnológicos veículos do mundo.

Será a primeira exibição da quarta geração do sedã no Brasil. Mais do que o design atualizado, o A8 prima, afirma a montadora, pelo “inovador conceito operacional interativo” e pela tração integral elétrica. O modelo é o primeiro automóvel de produção em série no mundo com condução autônoma nível 3.

Inicialmente, porém, ele chama atenção pelo tamanho: são 5,17 metros de comprimento na versão standard e mais 13 centímetros de entre-eixos na A8 L, a alongada.

 

Não são poucos os mimos oferecidos no sedã. O assento traseiro direito tem quatro ajustes, aquecimento, massageador e apoio para os pés. As persianas das saídas de ar são controladas eletricamente.

Os passageiros do banco de trás também controlam diversas funções, como iluminação ambiente, luzes de leitura ou telefonar por meio de uma unidade operacional separada. Para isso, há um controle remoto com tela OLED localizado no apoio de braço central e que pode ser removido.

O motorista tem muitos comandos e funções são controlados por voz. Informações sobre destinos e mídias estão disponíveis a bordo ou pela internet à velocidade LTE. A ampla gama de dispositivos de conexão também inclui reconhecimento de faróis de trânsito e informações sobre riscos.

Anúncio

A navegação aprende sozinha, com base na rota recentemente percorrida, e oferece ao motorista sugestões de busca inteligentes.  O assistente de trânsito, acionado por botão no console central, assume o controle da condução em tráfego lento, até 60 km/h, em rodovias onde uma barreira física separa as duas faixas da pista. Ele administra a partida, aceleração, direção e frenagem.

O motorista não precisa mais monitorar o carro permanentemente e, a depender da legislação de cada país, até assistir tv – se o trânsito ultrapassar o limite, automaticamente o motorista será convocado para retomar o controle. Para estacionar o A8, basta ao motorista determinar, por meio do smartphone, mesmo fora do veículo, que ele pare em uma vaga.

Ah, é bom lembrar também que a tração é permanente nas quatro rodas e a suspensão, ativa. E que os A8 têm tecnologia híbrida leve estão disponíveis dois motores V6: um 3.0 TDI de 286 cavalos e um 3.0 TFSI a gasolina que desenvolve 340 cavalos. A Audi, porém, já adianta que oferecerá mais para frente duas versões de oito cilindros – um 4.0 TDI com 435 cv e um 4.0 TFSI com 460 cv. E ainda um 6.0 W12 !!


Foto: Divulgação/Audi