A ZF pretende investir € 800 milhões em Saarbrücken, sua principal fábrica tecnologias de transmissões na Alemanha. Os recursos, aplicados nos próximos quatro anos, permitirão a transição de transmissões convencionais para as voltadas a carros elétricos.

Saarbrücken será beneficiada com novos sistemas de produção, infraestrutura e rede de fornecedores. A ideia é aumentar a competitividade internacional da unidade.

O crescente número de encomendas de soluções híbridas que a empresa vem recebendo incentiva novos investimentos em várias áreas e unidades. No total, a ZF diz estar destinando algo superior a 3 bilhões de euros em desenvolvimento de tecnologias.

“A previsão é que a participação das transmissões híbridas na produção aumentará dez vezes nos próximos anos, de 5% para 50%”, calcula Wolf-Henning Scheider, CEO da ZF Friedrichshafen AG.  

LEIA MAIS

→De olho na condução autônoma, ZF adquire ações da ASAP

→No Brasil, novo centro de competência global da ZF