O governo São Paulo deixou vazar, na semana passada, que duas montadoras anunciariam nas próximas semanas novos investimentos no Estado. Nesta quinta-feira, 29, a primeira delas, a Volkswagen, revelou, na Alemanha, que apenas acelerará o programa de investimentos nas fábricas paulistas, dentro do já anunciado ciclo de R$ 7 bilhões divulgado no fim em 2016 e que se encerra no ano que vem.

Coube a Ralf Brandstätter, COO mundial da marca Volkswagen, acompanhado de Pablo Di Si, CEO na América Latina, detalhar os planos ao próprio governador paulista, João Dória, que se deslocou até a sede da montadora em Wolfsburg em comitiva com o secretário da Fazenda, Henrique Meirelles, e o prefeito de São Bernardo do Campo, Orlando Morando.

LEIA MAIS

→ Duas montadoras vão anunciar novos investimentos em SP

Eles foram informados de que, dos R$ 7 bilhões, “cerca de R$ 5 bilhões estão sendo direcionados para as fábricas paulistas’. “Desse montante”, afirma comunicado da empresa, “para as novidades que serão apresentadas ainda no biênio 2019-2020, as unidades paulistas receberão investimentos da ordem de R$ 2,4 bilhões”.

Meirelles, Morando, Dória, Brandstätter e Di Si durante encontro em Wolfsburg

Das quatro unidades que a Volkswagen tem no Brasil, três estão em São Paulo – a quarta fica em São José dos Pinhais (PR). Para a pioneira fábrica da Anchieta, em São Bernardo do Campo, está reservada a produção, a partir do ano que vem, de um novo modelo.

Anúncio

A montadora reforçou durante o encontro que se trata de projeto integralmente desenvolvido no Brasil e “com grande potencial de exportação”. “É a primeira vez que a Volkswagen do Brasil exportará o conceito de um novo veículo e que terá abrangência global, um carro que representará um novo segmento”, destacou Di Si.

Batizado de New Urban Coupé, o futuro modelo é um utilitário esportivo compacto, conhecido como CUV, derivado da plataforma MQB, a mesma do Polo e,Virtus, já fabricados em São Bernardo do Campo.

Diferente do ainda novato T-Cross, montado no Paraná e que adota a mesma plataforma,  o CUV terá um perfil mais esportivo, com a parte traseira lembrando a de um cupê.

É um estilo ainda inédito no segmento, mas não se trata de novidade: BMW e Mercedes-Benz têm produtos nessa configuração há anos e a Fiat apresentou no Salão do Automóvel de São Paulo, no ano passado, seu conceito SUV Cupê derivado da picape Toro e que deve ser fabricado em Goiana (PE).

LEIA MAIS

→ Volkswagen amplia serviços digitais nas concessionárias

 

O governo paulista lançou, no primeiro semestre, o IncentivAuto, programa que concede descontos progressivos no ICMS para montadoras que destinarem novos investimentos superiores a R$ 1 bilhão e que gerem mais de 400 postos de trabalho.

Resta saber se, sem novos recursos ou contratação de mais trabalhadores, a Vokswagen conseguirá os incentivos, ainda que o governador tenha citado o programa em seu discurso em Wolfsburg.


Foto: Divulgação/VW