Atualmente paralisada por causa das medidas de isolamento em prol do combate à Covid-19, a Sumitomo Rubber do Brasil anuncia a conclusão de investimento que dobra a capacidade de produção de pneus para veículos  pesados na fábrica de pneus Dunlop no município de Fazenda Rio Grande, PR, de 500 para 1 mil unidades/dia.

Com isso, a empresa estará preparada no período pós-pandemia para ampliar negócios da sua linha de pesados, que teve produção iniciada no Brasil em abril do ano passado, a partir de um investimento inidical de R$ 312 milhões. Diante da demanda interna crescente no ano passado, foi feito novo aporte de R$ 153 milhões para dobrar a oferta do produto para caminhões e ônibus.

Yoshinori Wakitani, presidente da Sumitomo Rubber do Brasil, destaca ter sido possível atingir a meta de produção de 1 mil unidades/dia graças às tecnologias de produção do grupo implementadas na fábrica de Fazenda Rio Grande. “Nosso compromisso se mantém mesmo em momentos desafiadores como o que estamos vivendo mundialmente, para que nossos pneus possam calçar os veículos pesados que levam produtos essenciais para as pessoas em todo o País. Temos muito orgulho de ter atingido essa meta em abril, antes do planejado inicialmente”.

Anúncio

Em abril, por causa da crise decorrente da pandemia do novo coronavírus, a fábrica localizada em Fazenda Rio Grande concedeu férias coletivas para parte dos seus colaboradores. Agora em maio, devido à extensão do período da quarentena, as operações foram paralisadas e a previsão de retorno é para o início de junho. Segundo a empresa, as áreas administrativas estão funcionando parcialmente, seguindo todas as orientações e cuidados recomendados pelas autoridades de saúde.

Detentora das marcas de pneus Dunlop e Falken, a Sumitomo Rubber do Brasil foi a primeira do grupo japonês a adotar em 100% de sua produção um processo que revolucionou o método convencional de produção de pneus: a tecnologia Taiyo (Sun) System, método inovador que tem como principal diferencial a produção de pneus sem emendas.

Inaugurada em outubro de 2013 e também é responspavel pela produção de pneus para veículos leves,a fábrica paranaense tem capacidade produtiva total de 16,8  mil pneus/dia, empregando 1.559 trabalhadores.


Foto: Divulgação/Sumimoto