O Camaro 2021 começa a desembarcar nos concessionários da Chevrolet do País atualizado com a reestilização feita no esportivo no ano passado nos Estados Unidos. A principal mudança visual está dianteira, onde aposenta a ampla grade da parte inferior e desloca a gravata da marca, antes fixada barra divisória central, para reposicioná-la na grelha superior.

As alterações retomam a aparência mais próxima do projeto original do modelo. Em acabamento único SS, será oferecido por R$ 377.900, a versão cupê, e R$ R$ 422.900, a conversível.

Alinhado com o conteúdo que a marca já vem adotando no seu portfólio, o Camaro também incorpora pacote de tecnologia de conectividade na nova central multimidia MyLink. Traz wi-fi a bordo, integração do smartphone sem necessidade de cabo, serviços conectados OnStar e aplicativo myChevrolet app, pelo qual o motorista acessa informações e funções do carro, como dar partida à distância.

Dentre equipamentos e conveniências, o esportivo da Chevrolet traz faróis dianteiros de LED com ajuste de altura automático, alerta de ponto cego e de tráfego cruzado, sete airbas, ajustes elétricos dos bancos dianteiros com ventilação e refrigeração, câmera traseira integrada ao espelho retrovisor interno e sistema de som Bose.

Anúncio

Sob o capô permanece o poderoso conjunto de motor 6.2 V8 de 461 cv e 62,9 kgfm de torque associado a um câmbio automático de dez marchas. Segundo a fabricante, o Camaro acelera de 0 a 100 km/h em 4,2 segundos e velocidades máximas limitadas eletronicamente de 290 km/h, no caso do cupê, e de 250 km/h, o conversível.

No novo lote que chega dos Estados Unidos há cinco opções de cores: Vermelho Tinto, Azul Egípcio, Laranja Imperial, Branco Summit e Preto Global.

No Brasil, o Camaro acumula mais de 6 mil unidades emplacadas desde 2010, quando a Chevrolet começou a trazer o modelo oficialmente.

LEIA MAIS

→Chevrolet Camaro apaga vela de 50 anos

→Mais um lote do Camaro SS


Foto: Chevrolet/Divulgação