Instalada em Manaus, AM, e afetada fortemente pelas medidas impostas pela Covid-19 e também a falta de componentes eletrônicos, a indústria de motocicletas enfrentou sérias dificuldades para abastecer o mercado nos últimos meses. Em abril, finalmente, a oferta deu um salto maior e as vendas chegaram a 94.696 unidades, com crescimento tanto no comparativo mensal como interanual.

A alta foi de 52% sobre as 62.286 motos emplacadas em março e de 235% em relação a abril do ano passado, quando os negócios limitaram-se a 28.255 unidades, desempenho decorrente da então recém-chegada pandemia no País, que paralisou fábricas e fechou grande parte das concessionárias aqui instaladas.

De acordo com o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, o mercado de motos já vinha aquecido nos últimos meses, mas só em abril a indústria conseguiu recuperar produção e, com isso, atender à parte da demanda reprimida do segmento.

“Os problemas ainda não acabaram e persiste o desabastecimento de peças e componentes, o que vem exigindo que  algumas ainda suspendam turnos de trabalho temporariamente. Mas apesar da falta de produtos, o mercado se mantém firme desde o ano passado. Vale ressaltar que desde o início da pandemia, em 2020, as as motocicletas vêm se consolidando como uma alternativa de transporte individual e de trabalho”, avalia o empresário.

Anúncio

LEIA MAIS

Produção de motos cresce em março, mas segue em declínio no ano

150 mil consumidores na fila de espera para comprar motos

No acumulado 2021, os emplacamentos somaram 300.243 motos, um resultado que, se comparado às 275.175 unidades comercializadas em igual período de 2020, representa expansão de 9,1%. Conforme dados divulgados pela Fenabrave nesta terça-feira, 4,o  crédito para o financiamento de motocicletas está favorável, com a aprovação de 4,7 propostas para cada dez enviadas aos bancos.

Segundo a entidade, o mês de abril de 2021 está na 10ª colocação no ranking histórico de motocicletas e, no acumulado do primeiro quadrimestre do ano, encontra na 15ª posição.


Foto: Divulgação/Honda