O Banco CNH Industrial está comemorando antecipadamente os resultados obtidos em 2021. Até o início deste mês a instituição já superou R$ 1,3 bilhão em financiamentos de veículos da Iveco, resultado atribuído aos investimentos feitos em treinamento, foco no relacionamento com o cliente e revisão dos processos para atender a crescente demanda do mercado de transporte em meio à crise decorrente do Covid-19.

“Nos adaptamos às mudanças para superar as adversidades impostas pela pandemia”, comenta Marcio Contreras, diretor comercial de marketing e seguros do Banco CNH Industrial. “Seguimos ao lado do motorista, do caminhoneiro e do transportador procurando entender suas reais necessidades e juntos trabalhamos para fortalecer a cadeia de abastecimento do País”.

O executivo informa que o banco focou em treinamentos das equipes de atendimento das concessionárias, “buscando aprimorar ainda mais a qualidade das informações e, consequentemente, o índice de aprovação”. Dentre várias campanhas realizadas, teve a “Norte e Nordeste é 10”, que elevou em 10 pontos porcentuais o índice de aprovação das propostas da região e da instituição como um todo.

Anúncio

LEIA MAIS

Iveco aprimora a Daily com a chegada da nova fase do Proconve

Produção de caminhões apura o melhor acumulado desde 2013

Lançado na Fenatran 2019, antes portanto da pandemia, o aplicativo +Capital, que permite ao vendedor a possibilidade de simular o financiamento e enviar a proposta diretamente ao crédito, foi fundamental para garantir a continuidade das vendas em período de restrições ao atendimento presencial.

De acordo com o gerente comercial para a marca Iveco, Alexandre Garcia, o Banco CNH Industrial manteve condições especiais de financiamentos com até 0% de entrada e até 6 meses de carência durante a pandemia: “Estamos com taxas ainda mais competitivas frente aos demais bancos. Em busca da agilidade, estamos sempre atentos às melhorias dos nossos processos internos e canais de contato com a rede de concessionárias e clientes”.


Foto: Divulgação/Iveco