Por Redação

Com o objetivo de ampliar seus negócios no País, a Kia Motors acaba de criar, em parceria com o Santander Brasil, a Kia Financiamentos, braço financeiro da montadora/importadora que atenderá os clientes da marca em todo o Brasil.

Trata-se, segundo a Kia, de uma parceria de longo prazo que visa facilitar e agilizar as vendas da empresa em mais de 100 pontos de atendimento no País. A Kia Financiamentos, em sistema de private label, será integralmente administrada pela Santander Brasil.

Gandini: novo impulso para as vendas de importados.

“A Kia Financiamentos será fundamental no processo de retomada de crescimento no mercado brasileiro”, avalia José Luiz Gandini, presidente da Kia Motors do Brasil. “Depois de seis anos de restrições impostas pelo Inovar-Auto, voltaremos a crescer este ano. Ao fortalecer as vendas no varejo com taxas competitivas aos consumidores finais, as chances de crescimento passam a ser reais”.

Anúncio

Lembrando que a Kia Motors é a importadora mais longeva do Brasil, com atuação ininterrupta de 26 anos, o diretor da Santander Financiamentos, André Novaes, diz que a parceria fortalecerá ainda mais a posição de liderança da Santander no mercado de financiamento de automóveis no País.

“Vamos utilizar toda a nossa experiência e capacidade de inovação para desenvolver as melhores e mais adequadas soluções para os consumidores da marca”, destaca. Em 2017, o banco ampliou em 3,1 pontos porcentuais sua participação no mercado de financiamento de veículos, que atingiu 23% do total nacional.

A carteira de crédito de veículos para pessoas físicas registrou expansão de 20% em 12 meses, atingindo R$ 36,24 bilhões no fim do ano passado.

Os pontos de atendimento da Kia no Brasil poderão utilizar o sistema da Santander Financiamentos, pioneiro na digitalização completa da concessão de crédito automotivo. O modelo, de acordo com a Kia, simplifica e agiliza a liberação dos recursos, ao reduzir de mais de 108 para apenas 9 o número de campos a serem preenchidos para dar início ao processo de financiamento.


Foto: Divulgação/Kia