Por Redação

A fábrica espanhola da Opel-Vauxhall acaba de ganhar mais relevância estratégica no Grupo PSA. A unidade será casa exclusiva da produção da próxima geração do Corsa, previsto para chegar ao mercado europeu em 2019, como também da versão 100% elétrica do modelo, a partir de 2020.

Com a decisão, Zaragoza será a primeira fábrica do conglomerado francês a produzir um modelo da marca totalmente elétrico na Europa.

Leia mais

→Grupo PSA é o dono da Opel e Vauxhall

→Opel aposta na eletrificação para voltar à lucratividade

→PSA cria nova organização para integrar compras da Opel-Vauxhall

O anúncio foi feito pelo CEO da Opel, Michael Lohscheller, destacando que acordo concluído com sindicato local foi fundamental para garantir os investimentos na unidade.

Anúncio

“Este é um importante passo para a fábrica de Zaragoza e marca o início de uma nova era. O novo Acordo-Quadro Social é significativo e mostra a confiança de todas as partes envolvidas. Zaragoza continuará a desempenhar um papel importante na estratégia industrial do Groupe PSA.”

O Corsa será um dos quatro modelos eletrificados no portfólio da Opel-Vauxhall em 2020. Segundo o PACE!, plano estratégico da companhia, todos os veículos de passageiros europeus da marca terão uma versão eletrificada até 2024.

A fábrica de Zaragoza iniciou a produção do Opel Corsa em 1982. Das quase 13 milhões de unidades fabricadas por lá, em torno de dez milhões são de Corsa. A instalação fabril da Espanha também produz atualmente o Opel Mokka X, o Opel Crossland X e o Citroën C3 Aircross.


Foto: Opel-Vauxhall/Divulgação