Por Alzira Rodrigues | alzira@autoindustria.com.br

Enquanto o mercado de automóveis e comerciais leves cresceu 20,4% no acumulado do primeiro quadrimestre, com total de 737,3 mil emplacamentos, Volkswagen e Nissan se destacaram no ranking das dez marcas mais vendidas no País, com altas de, respectivamente, 38,9% e 36,7%.

Além delas, somente a Ford ficou acima do índice de expansão do mercado, com desempenho positivo em 22,5%, enquanto a Renault teve índice idêntico ao da média, de 20,4%. As outras cinco marcas, incluindo a líder General Motors, tiveram vendas ampliadas abaixo da média e, consequentemente, perderam participação, conforme dados divulgados pela Fenabrave com base em números do Renavam.

Leia mais

Mercado de veículos cresce 21,3% até abril

Com o crescimento de 38,9%, a Volkswagen consolidou-se na vice-liderança do mercado, com 107,8 mil emplacamentos no quadrimestre e participação de 14,6%, ante os 12,7% que detinha no mesmo período de 2017. O desempenho do Polo, quarto colocado no acumulado de janeiro a abril com 23,5 mil licenciamentos, foi decisivo para o bom resultado da marca.

Leia mais

Em segundo lugar, VW agora mira a liderança

Anúncio

A GM vendeu 125,7 mil unidades este ano, 15,8% a mais do que nos primeiros quatro meses do ano passado. Sua participação caiu de 17,7% para 17%.

A Fiat, que está no terceiro lugar com fatia de 12,5%, ante os 13,2% de um ano atrás, emplacou 92,2 mil automóveis e comerciais leves no primeiro quadrimestre, expansão de 13,8% sobre o mesmo período do ano passado.

A Ford, quarta colocada, vendeu de janeiro a abril 69,7 mil unidades, com penetração de 9,4%. Hyundai vem na sequência, com 64,6 mil emplacamentos e participação de 8,7%, seguida da Toyota – 60,8 mil unidades e 8,2% do mercado – e da Renault, com 59,9 mil veículos e fatia de 8,1%.

A Nissan galgou um degrau no ranking por marcas do quadrimestre, ocupando a nona colocação, que há um ano pertencia à Jeep. Suas vendas atingiram 32 mil unidades, com participação de 4,3% no acumulado do ano. A Jeep ficou bem próxima, com 31 mil unidades e 4,2% do mercado.

Especificamente em abril, o destaque ficou para a Renault, que vendeu um pouco mais que a Ford – respectivamente 20,2 mil e 20 mil veículos – e ocupou o quarto lugar no mês. A participação das duas marcas foram bem próximas, de 9,6% e 9,5%.


Foto: Divulgação/VW

 

.