Por Redação | autoindustria@autoindustria.com.br

Associadas da Anfir presentes na edição 2018 da Expo Carga, feira de transporte e logística realizada no fim de junho na Cidade do México, trouxeram na bagagem de volta expectativas de negócios por volta de US$ 2,7 milhões com importadores locais.

A missão comercial faz parte do MoveBrazil, programa da Anfir em parceria com a Apex-Brasil, Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos, com o objetivo de impulsionar a internacionalização do segmento de implementos rodoviários.

Durante o evento, as seis empresas associadas presentes (Fix, Grimaldi, Hidromas, Ibiporã, Randon e Thermo Star) contabilizaram 126 contatos comerciais, incluindo as tratativas realizadas durante rodada de negócios.

LEIA MAIS

→Balanço da Anfir aponta trajetória de recuperação

→Anfir estreita relação com o Panamá

→Anfir e Apex-Brasil renovam acordo para incentivo das exportações

Anúncio

“O México é um dos maiores mercados logísticos da América Latina e o resultado parcial de nossa participação na feira mostra que o produto brasileiro tem grandes chances de conquistar a preferência local”, acredita Norberto Fabris, presidente da Anfir.

Desde de o início do programa, em 2016, e renovado no ano passado, já foram realizadas missões comerciais ao Chile, Colômbia, Peru e Panamá, além de duas Rodadas de Negócios em São Paulo, das quais uma delas durante a Fenatran 2017. Nesse período, as empresas do segmento já somam em torno de US$ 42,5 milhões em negócios.

Apesar do saldo positivo, o desempenho das exportações de implementos rodoviários ainda custa a decolar face aos resultados apurado no mercado interno até aqui. Enquanto as vendas do segmento cresceram 52% nos sete primeiros meses do ano, para 46,6 mil produtos, os embarques registraram queda de 25,9%, com 1.404 unidades envidas para fora do País, contra 1.894 implementos exportados no mesmo período do ano passado.


Foto: Randon/M.Scalco