Pouco mais de um ano depois de ser lançada oficialmente na Fenatran 2017, a nova família de caminhões leves Delivery seguem missão de representaram ferramenta de internalização da marca Volkswagen Caminhões e Ônibus. Os veículos já são ofertados em dez países da América Latina, respondendo por 30% do total das exportações da fabricante no acumulado de 2018.

O mais recente mercado a receber os produtos foi a Colômbia, com o 11.180, em apresentação oficial naquele país na quarta-feira, 5, pela representante da marca a Porsche Colômbia.

De acordo com a VWCO, antes mesmo desembarcar no país, o modelo estreia com vendas antecipadas e pedidos fechados, tornando-se o líder de embarques para aquele mercado. Na ocasião da apresentação do 11.180, os transportadores colombianos também puderam conhecer o 9.170, outro produto da nova linha de leves a desembarcar por lá.

Roberto Cortes, presidente e CEO da VWCO, lembra que os caminhões Volkswagen têm sido muito bem aceito pelo mercado colombiano, especialmente pela robustez, espaço interno e conjunto mecânico. “Com o lançamento do modelo 11.180, entramos num segmento em que ainda não participávamos e que atende sob medida às demandas da operação. Tudo isso favoreceu o excelente ingresso dessa novidade por lá.”

Anúncio

A nova gama de Delivery atende segmentos de 3,5 a 13 toneladas, a faixa mais representativa da região da América Latina. Os veículos nasceram a partir de um investimento superior a R$ 1 bilhões e demandou cinco anos desenvolvimento com liderança da equipe de engenheiro do Brasil.

LEIA MAIS

→Peru recebe nova família VW Delivery

→VW Delivery 13.180 estreia com venda de 100 unidades

→Delivery 6.160 começa a ser vendido na Argentina e no Chile

→Volkswagen começa a distribuir os novos Delivery Express e 4.150

→MAN estreia na categoria de semileve


Foto: VWCO/Divulgação