As vendas financiadas de veículos atingiram 1,4 milhão de unidades no primeiro trimestre, incluindo novas e usadas de todos os segmentos – automóveis, comerciais leves, pesados e motocicletas.

O resultado dos primeiros três meses do ano representa um aumento de 7,2% em relação ao mesmo período de 2018. Do total dos veículos negociados a prazo neste início de ano, 504.066 representam veículos novos – 7,4% a mais do que em 2018 – e 902.271 são usados, expansão de 7,1%.

Os dados foram divulgados nesta sesta-feira, 12, pela B3, que opera o SNG, Sistema Nacional de Gravames, que reúne o cadastro das restrições financeiras de veículos dados como garantia em operações de crédito em todo o País.

Os números de 2019 apontam que os financiamentos de veículos pesados foram um dos principais responsáveis pela alta do trimestre. Neste grupo, foram financiadas 60.097 unidades, entre novas e usadas, alta de 22,4%, na comparação com idêntico período de 2018, quando 49.083 unidades do segmento foram vendidos a crédito.

Anúncio

LEIA MAIS

Bancos liberam mais de R$ 125 bilhões para financiamento de veículos

Consórcio de veículos deve seguir em alta em 2019

No caso dos automóveis a alta foi de 5,3%, de 1.067.120 para 1.123.657 no mesmo comparativo. No mercado de motos, os finciamentos totalizaram 40,7 mil unidades nos primeiros três meses deste ano, volume 13,9% superior ao do primeiro trimestre do ano passado (35,2 mil).

Os dados da B3 contemplam CDC, Crédito Direto ao Consumidor, leasing e consórcio. O primeiro domina amplamente as vendas financiadas no mercado brasileiro, com 86,2% de participação.


Foto: Divulgação/MAN