Com 24 mil unidades comercializadas no primeiro quadrimestre do ano e crescimento de 18% sobre o mesmo período de 2018, o Renault Kwid ganha uma nova versão, a Outsider, com preço a partir de R$ 43.990

O modelo apresenta novidades em conectividade, trazendo de série o Media Evolution, central multimídia da Renault que é única do segmento e tem tecnologia Android Auto e Apple Carplay, que permite usar Spotify, Waze, Google Maps e reproduzir áudios de Whatsapp na tela de sete polegadas touchscreen capacitiva, com melhor precisão do toque.

Externamente, as inovações estão nos skis frontal e traseiro, barras de teto, proteção lateral, moldura do farol de neblina e calotas na cor preta. No interior, novo revestimento dos bancos e detalhes alaranjados nos portas, volante e câmbio.

LEIA MAIS

Renault avalia novo ciclo de investimento no País

“O Kwid é um veículo muito especial para a história da Renault do Brasil”, destacou Ricardo Gondo, presidente da montadora no País durante a apresentação da nova versão na noite de terça-feira, 14. “Para comemorar o sucesso do SUV dos compactos, lançamos o Kwid Outsider, mais uma opção para o consumidor que procura design, segurança, conectividade e economia de combustível”.

Disponível a partir desta semana nas 300 concessionárias da marca, a Outsider complementa a linha do compacto da Renault, que conta com mais três outras versões: Life (R$ 33.290), Zen (R$ 38.790) e Intense (R$ 41.890).

Lançado em 2017, o Kwid já vendeu mais de 110 mil unidades no Brasil, além de ser exportado para a Argentina, Colômbia e México, mercados que também receberão a versão Outsider a partir de agora, conforme revelou o presidente da montadora na terça-feira, 13, durante evento de apresentação do modelo na capital paulista.

Classificado no ranking geral da Fenabrave como veículo de entrada, o Kwid é lider nesse segmento este ano, com 24 mil emplacamentos e 29,8% de participação. No primeiro quadrimestre do ano passado foram licenciadas 20,3 mil unidades do modelo, o que representou fatia de 17,5% no segmento e a terceira colocação nesse ranking específico.

Anúncio

Gondo disse que a intenção é ampliar as vendas da linha Kwid a partir do lançamento da versão Outsider, mas não revelou metas para o ano. Em 2018 o modelo registrou total de 67 mil emplacamentos.

LEIA MAIS

Kwid tem pré-venda na Colômbia

Renault compartilha a frota com funcionários

Test drive delivery, conforto da Renault para o cliente

Durante a apresentação da nova versão, o presidente da Renault destacou alguns diferenciais do Kwid, como a de ser o único em seu segmento com quatro airbags de série, incoportando também duas fixações Isofix para cadeirinhas infantis e alertas visual e sonoro, além do pré-tensionador dos cintos de segurança dianteiros.

O motor da linha Kwid é o 1.0 SCe (Smart Control Efficiency) com três cilindros, 12 válvulas, duplo comando de válvulas (DOHC) e bloco em alumínio. A transmissão é manual de cinco marchas SG1. Abastecido com etanol, rende 70 cv de potência a 5.500 rpm e torque de 9,8 kgfm a 4.250 rpm. Com gasolina, são 66 cv a 5.500 rpm e 9,4 kgfm a 4.250 rpm.

Segundo a Renault, a versão Outsider mantém o baixo consumo de combustível característico do Kwid. Na cidade, faz 14,1 km/l com gasolina e 9,6 km/l com etanol e na estrada, 14,4 km/l e 10 km/l, respectivamente.

Com opção de compra 100% on-line desde a campanha de pré-venda, mais de 13 mil unidades do Kwid foram comercializadas por meio dessa plataforma no ano passado.


Foto: Divulgação/Renault