A BMW confirma para breve o início da pré-venda do 320i. Inicialmente importado da fábrica de Munique, na Alemanha, porém, até o fim deste ano será mais um produto a ser produzida na fábrica de Araquari (SC), de onde já saem as versões 330i Sport e 330i M Sport, lançadas começo do ano.

Ainda sem preço revelado, o sedã, em sua sétima geração, preserva o conjunto mecânico anterior, composto de motor turbo 2.0 com 184 cv, mas com torque elevado de 270 Nm (27,5 kgfm) para 300 Nm (30,6 kgfm) que surge aos 1.350 rpm. A transmissão segue com o câmbio automático de oito marchas. A tração é traseira e, de acordo com a fabricante, o carro pode acelerar de 0 a 100 km/h em 7,1 segundos e atingir máxima de 240 km/h.

LEIA MAIS

→BMW mira o produtor rural

→BMW inicia pré-venda do novo Série 8

→Após Novo Série 3, BMW prepara quinto modelo nacional

Anúncio

A nova geração também ganhou reformulação visual e lista de equipamentos mais extensa. Vem com faróis de LED, assistente de estacionamento e o chamado Reversing Assist, recurso que refaz em marcha a ré os últimos 50 metros percorridos pelo veículo, ar-condicionado de três zonas e o ConnectedDrive, sistema de conectividade com informação de trânsito em tempo real, alertas de manutenção e serviços de concierge.

A versão ainda ganhou tecnologia que atende comando de vozem português, basta dizer Olá, BMW, para ter acesso.

A primeiras unidades do BMW 320i começam a ser importadas entre julho e agosto. A fabricante adianta que o anúncio da pré-venda será por meio de tecnologia inédita no País. “Sabemos que o cliente brasileiro é um dos mais conectados do mundo e que o processo de compras está cada vez mais digitalizado”, diz Roberto Carvalho, diretor comercial da BMW do Brasil.


Foto: BMW/Divulgação