A Honda se comprometeu a ter toda sua frota de veículos elétrificada disponível no mercado europeu até 2025. Passo importante nesse sentido acontecerá na semana que vem, quando a montadora apresentará, no Salão de Frankfurt, na Alemanha, ao lado da linha de automóveis esportivos e eletrificados da marca, o modelo de série “e'”.

Conhecido de outras mostras automotivas, mas ainda como o conceito Urban EV, o agora oficialmente “e”, diz a fabricante japonesa, prima pela  simplicidade do desenho e pela facilidade de uso para atender “as necessidades dos estilos de vida urbanos modernos, por meio de tecnologias conectadas”.

O modelo, de fato, chama a atenção pela desenholimpo e por recursos como câmeras no lugar dos espelhos retrovisores e um painel digital de cinco telas. A maior área do painel é ocupada por duas telas sensíveis ao toque de 12,3 polegadas. Elas são as principais fontes de entretenimento, com variedade de aplicativos e serviços conectados.

Anúncio

Há ainda controle remoto da climatização, monitoramento de segurança e localização. Uma chave digital permite que o carro seja trancado e destrancado por meio de aplicativo no smartphone.

O novo Honda tem duas versões de motor elétrico: de 100 kW (136 cv) ou 113 kW (154 cv) e torque de 32,1 kgfm. A bateria de 35,5 kWh, assegura a montadora, é uma das mais compactas de sua categoria e garante autonomia de até 220 km com uma única carga. É possível obter 80% da carga em apenas 30 minutos em dispositivo adequado.

A tração é traseira e o compacto acelera de s 0-100 km/h em 8 segundos.


Foto: Divulgação/ Honda