A centenária Cummins segue acelerada na trajetória que se impôs para amplificar e diversificar seu portfólio de tecnologias energéticas. O conglomerado norte-americano anunciou esta semana a aquisição, em parceria com a Air Liquide, da Hydrogenics Corporation.

A transação é da ordem de US$ 290 milhões. Os acionistas da Hydrogenics reberão US$ 15 por ação e a Cummins será sócia majoritária, com 81,4% do capital, cabendo à Air Liquide os 18,6% restantes.

cummins

Canadense, a Hydrogenics é uma das principais fornecedoras de sistemas de armazenamento de energia e células a combustível e de hidrogênio. Além do Canadá, possui fábricas na Alemanha e Bélgica, e centros de serviços na Europa e Estados Unidos.

Anúncio

Integrará a unidade de negócios da Electrified Power, divisão da Cummins responsável pelo desenvolvimento e produção de sistemas de trem de força elétricos e híbridos, componentes e subsistemas. As operações da Hydrogenics, porém, continuarão na atual sede em Mississauga, Canadá.

“Esse é mais um passo. Continuamos investindo em uma ampla gama de produtos e tecnologias limpas, com baixo consumo de combustível e alto desempenho “, declarou Tom Linebarger, presidente e CEO global da Cummins.

LEIA MAIS

→ Receitas mundiais da Cummins crescem 1% no segundo trimestre

→ Com o fim da Ford Caminhões, Cummins busca novos negócios


Foto: Divulgação/Cummins