Empresas da Randon levam para a Fenatran 2019 extensa lista de novidades alinhadas com as tendências, nas quais o chamado Custo Total de Propriedade (TCO) busca mais eficiência como um todo na cadeia do transporte. Um dos exemplos, na enxurrada que conta mais de 20 lançamentos apresentados no evento, a Fras-le e a Suspensys WE/Castertech uniram forças para desenvolver o Duetech System, inovação que promete aumentar a vida útil dos componentes de freio em até 35%.

A tecnologia levou em conta estudos a respeito do atrito para que o tambor e a lona, quando utilizados juntos, gerem incremento na durabilidade em relação aos componentes padrões de mercado. “Utilizando conceitos de mecânica, física, química, materiais e conhecimento em lubrificação, atrito e desgaste foi possível identificar o comportamento do tambor e da lona de freio, desenvolvidos e testados para obter a melhor performance do sistema de maneira integral”, observa em nota o diretor de inovação e tecnologia da divisão autopeças das Empresas Randon, César Augusto Ferreira.

Anúncio

LEIA MAIS

Randon incorpora motor elétrico no semirreboque

Fras-le faz 65 anos em fase de expansão

No projeto, o tambor ganhou um novo design para maior resistência e menor peso, além poder promover maior capacidade para dissipar calor. O componente ainda recebe lona especial para cada tipo de aplicação capaz de atender diferentes faixas de temperatura e condições uso distintas no transporte.

De acordo com as empresas, o Duetech System pode gerar uma economia de até 22% e 25% no TCO para ônibus e semirreboques, respectivamente, na medida que reduz de maneira significativa a necessidade de substituição dos componentes.


Foto: Empresas Randon/Divulgação