A Kinto, joint venture da Toyota Financial Services e o conglomerado japonês Mitsui, agrega mais um serviço em seu portófolio no mercado local. Nesta quinta-feira, 12, Masahiro Inoue, CEO da Toyota e da Kinto na América Latina e Caribe, apresentou oficialmente o Kinto One, serviço de gestão de frotas corporativas de qualquer segmento e tamanho.

A empresa investirá cerca no novo serviço de R$ 1,1 bilhão em cinco anos, a quase totalidade dos recursos direcionada à compra de veículos Toyota, inclusive comerciais leves, e Lexus que estarão à disposição das empresas.

masahiro inoue, Toyota

Inoue: mais serviços em breve.

O Kinto One já tem circulando 300 automóveis em 34 clientes que participaram de programa de pré-operacional e estima quadruplicar esse número em 2021 até chegar a mais 12 mil unidades em 2025.

O serviço inclui, além da locação sem número mínimo de veículos — inclusive híbridos e importados —documentação, seguro, telemetria, gestão de multa, manutenção preventiva e corretiva, logística, troca de pneus, assistência e call center 24 horas. O atendimento é realizado por funcionários da própria Toyota.

O cliente recebe relatórios para melhorar a gestão da frota e pode até customizar os veículos de acordo com a utilização, como blindagem.

Roger Armellini, diretor comercial da Kinto e de Mobilidade e Transformação de Negócios da Toyota do Brasil, relaciona construção, mineração, energia, agronegócio, farmacêutico e serviços como os setores de maior potencial para o Kinto One.

Anúncio

“No Brasil, apenas 20% das empresas têm frotas terceirizadas, sejam de automóveis ou comerciais leves. Na Espanha em Inglaterra, por exemplo, essa participação chega a 60%. Ou seja, há um potencial enorme”, pondera o executivo, que reforça que os clientes brasileiros contarão com a estrutura da rede de concessionárias Toyota e Lexus para assistência, manutenção e reparos, sempre com peças originais.

Criada em fevereiro de 2019 no Japão dentro da estratégia global da Toyota de se tornar uma empresa de mobilidade e não ser mais somente uma montadora, a Kinto chegou no começo deste ano na Europa e já está presente em 29 países, incluindo Argentina e Chile.

LEIA MAIS

→ Toyota critica prorrogação de incentivos para o Centro-Oeste

→ Toyota segue como a marca automotiva mais valorizada

→ Toyota traz para o Brasil empresa de compartilhamento KINTO

“O Kinto One é o segundo serviço oferecido pela Kinto e reforça nossa determinação em atender às necessidades de transporte do Brasil”, enfatiza Inoue, que não esconde que empresa pretende ampliar seu leque aqui em breve,  oferecer carros por assinatura.

O primeiro produto, o Kinto Share, já tem cerca de 20 mil clientes cadastrados no aplicativo, segundo Armellini. Por meio dele, usuários compartilham veículos disponíveis em estações localizadas nas concessionárias Toyota.


Foto: Divulgação