Pelo terceiro mês consecutivo a Fiat se manteve na liderança do mercado de automóveis e comerciais leves, com 39.445 emplacamentos em novembro e participação de 18,4%. Foi seguida bem de perto pela General Motors, que vendeu 39.224 unidades, o equivalente a 18,3%. A Volkswagen ficou em terceiro, com  34.678 licenciamentos e fatia de 16,2%.

Essa acirrada disputa nos últimos três meses também se reflete no ranking do acumulado do ano,  só que com mudanças na ordem ds marcas. A GM é a líder nos 11 meses, com a venda de 296.369 automóveis e comerciais leves, o equivalente a 17,3% do mercado total.

Tudo caminha para a marca estadunidense encerrar o ano mais uma vez no topo do mercado, mas vale destacar que a Volkswagen a segue bem de perto no acumulado de janeiro a novemrbo. No período, a fabricante alemã vendeu apenas 3,2 mil unidades a menos – 293.113 licenciamentos e fatia de 17,1%. No ranking anual a Fiat está em terceiro lugar, com 282.044 e emplacamentos e participação de 16,4%.

No caso da marca italiana, grande parte da sua arrancada nos últimos meses deve-se ao sucesso da nova Fiat Strada, que chegou a liderar o mercado em setembro e ficou em segundo lugar em outubro.

Anúncio

As vendas de automóveis e comerciais leves totalizaram 214,2 mil unidades em novembro, mês em que a Hyundai manteve sua posição como a quarta marca mais comercializada no País – 18 mil veículos e participação de 8,4%. A Ford ficou em quinto, com 14,9 mil e 7%, seguida da Toyota, com 14,8 mil e 6,9%.

Também acirrada a disputa no mês pela oitava posição no ranking por marca. A Renault encerrou novembro com 12.783 emplacamentos e fatia de 6%, seguida bem de perto pela Jeep – 12.709 e 5,9%.

LEIA MAIS

Venda de veículos bate novo recorde no ano

No acumulado dos 11 meses, a Hyundai consolida-se na quarta posição, com 146,2 mil licenciamentos e fatia de 8,5%. A Ford vem na sequência, com quase 123 mil licenciamentos e participação de 7,2%, seguida da Toyota, Renault e Jeep.


Foto: Pixabay