Rumo ao projeto de não ter veículos a combustão a partir de 2035 e chegar à neutralidade em carbono até 2040, a General Motors apresentou no domingo, 14, a linha 2002 do Bolt EV e o inédito crossover Bolt EUV, que começam a ser produzidos nos Estados Unidos no segundo trimestre. Tudo indica que os dois elétricos virão para o Brasil, mas por enquanto a montadora não revela datas de lançamento.

Os preços de lançamento no mercado estadunidense são de, respectivamente, US$ 31.995 e US$ 33.995. No Brasil, o atual Bolt EV é vendido com valor na faixa de R$ 262 mil. Na linha 2022l, o EV (foto abaixo) ganhou aparência mais moderna e 416 quilômetros de autonomia. No caso do crossover (foto acima) , é possível rodar até 402 km sem carregar.

 

LEIA MAIS

GM revela detalhe do Bolt EUV

Anúncio

General Motors encerrará produção de veículos a combustão em 2035

Primeiro carro 100% elétrico da marca com produção em massa, o Chevrolet Bolt EV teve início de vendas no final de 2016 nos Estados Unidos e foi apresentado no Brasil no Salão do Automóvel de 2018. Nesta sua maior transformação desde o lançamento, o modelo ganhou um novo design frontal, com luzes diurnas estreitas e indicadores de mudança de direção localizados no alto do para-lama.

Internamente, o modelo tem agora painel de instrumentos totalmente digital e uma nova tela sensível ao toque de 10,2 polegadas. O console central, segundo a GM, tem novos botões para o câmbio e para ativar o sistema que permiti dirigir o veículo usando apenas um pedal. Não houve mudanças no conjunto propulsor.

A linha 2022 do Bolt EV mantém a bateria de 65,0 kW/h, que gera 200 cv (150 quilowatts), a mesma utilizada no novo crossover elétrico da marca, que tem menor autonomia por ser 150 mm maior e ter entre-eixos é 762 mm mais longo. Em contrapartida, o SUV tem espaço interno maior.

Ambos trazem de fábrica itens como frenagem automática de emergência, alerta de colisão dianteira, assistência de manutenção de faixa com aviso de saída de faixa e detecção de pedestres na frente. O SUV tem exclusivo teto solar e pode incorporar, como opcional, o sistema de segurança ativa Super Cruise e o teto solar.


Fotos: Divulgação/GM