A General Motors decidiu dar novo impulso ao seu programa rumo aos veículos elétricos e autônomos. A montadora anunciou nesta terça-feira, 16, que ampliará para US$ 35 bilhões os investimentos em veículos elétricos até 2025, aporte que, dentre outas ações, contempla o adiantamento da construção de duas novas fábricas de células de bateria Ultium nos Estados Unidos, além das que já estão em obras em Ohio e Tennessee.

Inicialmente, conforme anunciado em março do ano passado, o aporte seria de US$ 20 bilhões em cinco anos. O valor foi revisto em novembro, para US$ 27 bilhões para o mesmo período de 2020 a 2025. A fabricante estadunidense diz que a sua performance positiva, que inclui recorde de EBIT ajustado nos últimos três trimestres, foi decisiva para a decisão de acelerar os projetos de eletrificação da linha.

“Estamos investindo fortemente em um plano abrangente e altamente integrado para garantir que a GM lidere em todos os aspectos a transformação para um futuro mais sustentável”, disse a CEO da GM, Mary Barra.

De acordo com a executiva, a meta global da companhia visa vender mais de 1 milhão de veículos elétricos anualmente até 2025 e, por isso, a decisão de aumentar os investimentos para ganhar escala mais rápido e ampliar a oferta de produtos.

A montadora planeja ser líder de mercado em veículos elétricos na América do Norte e também líder global em tecnologia de bateria e célula de combustível por meio de sua plataforma de bateria Ultium e células de combustível Hydrotec. Também que ser a primeira, por meio da Cruise, a comercializar com segurança a tecnologia de direção autônoma em grande escala.

Anúncio

LEIA MAIS

GM interromperá produção por seis semanas em São Caetano do Sul

GM anuncia produção de nova picape em São Caetano

Produção de veículos patina por causa da falta de semicondutores

“Há uma convicção forte e crescente entre nossos funcionários, clientes, revendedores, fornecedores, sindicatos e investidores, além de legisladores, de que os veículos elétricos e a tecnologia de direção autônoma são a chave para um mundo mais limpo e seguro para todos”, comento Barra ao divulgar o novo aporte nessa área até 2025.

A GM realiza no dia 4 de agosto conferência virtual de divulgação do balanço do primeiro semestre e das perspectivas para a segunda metade do ano. A empresa adianta que a expectativa é a de fechar os primeiros seis meses com EBIT ajustado na casa dosUS$ 8,5 bilhões a US$ 9,5 bilhões.


Foto: Divulgação/GM