ARenault está comemorando os bons resultados dos negócios em sua loja oficial de venda de peças no Mercado Livre. Com 6 mil negócios realizados em maio, a fabricante atingiu volume recorde mensal desde o lançamento em 2018, totalizando no acumulado dos cinco primeiros do ano 22 mil transações.

Participam do projeto 36 grupos de concessionários da marca francesa, de 12 estados, com a oferta de 40 mil itens entre peças originais Renault e a linha Motrio, bem como acessórios. É um canal a mais para o consumidor encontrar componentes das duas marcas, também disponíveis nas 290 revendas espalhadas pelo Brasil.

“Com mais essa inovadora opção de vendas, o cliente Renault pode garantir a manutenção adequada do seu veículo de forma simples e fácil, independentemente de onde ele esteja, negociando de forma segura e rápida os itens disponíveis na plataforma, diretamente com os concessionários Renault”, comenta Arnaud Mourebrun, diretor de pós-venda da Renault do Brasil.

Segundo o executivo, toda a operação na plataforma do Mercado Livre é orientada e monitorada pela montadora, sendo que o concessionário participante do projeto dedica uma equipe exclusiva para atendimento no canal online. Capacitados pela fabricante, os profissionais acompanham todo o processo, desde o anúncio do produto até o envio para o cliente.

Anúncio

LEIA MAIS

Renault já produz Captur 1.3 turbo flex

Fábrica da Renault ganha garagem fotovoltaica

Maria Eduarda Cyreno, diretora comercial de Marketplace do Mercado Livre, diz que a partir de parcerias inéditas e exclusivas para os usuários, como essa realizada com a Renault do Brasil, a empresa segue trabalhando constantemente para ampliar o sortimento de produtos e oferecer a melhor jornada de compra para todos os mais de 69,8 milhões de usuários ativos na plataforma. “Os resultados da loja oficial da marca refletem todo esse cuidado e empenho impostos neste período”, destaca Cyreno.

Para o consumidor acessar a loja oficial Renault no Mercado Livre, o link é www.mercadolivre.com.br/a/store/renault


Foto: Divulgação/Renault