Com mais de 65 anos de atuação no Brasil e hoje pertencente à Fras-le, das Empresas Randon, a Nakata inaugurou esta semana uma nova fábrica em Exterma, MG, integrada ao centro de distribuição dos produtos da marca. O objetivo do investimento, cujo valor não foi revelado, é o de agilizar as entregas dos seus produtos tanto interna como externamente.

Com a criação do novo Complexo Nakata em Extrema, que tem área total de 34 mil m², a fabricante de autopeças deixar de ter produção em Diadema, no Grande ABC, conforme anunciado em março passado. A nova planta, segundo nota da empresa, nasce com a tecnologia 4.0, “mais que dobrando a capacidade atual de produção para possibilitar o desenvolvimento de inovações que estão por vir”.

A marca Nakata envolve uma oferta de 5,3 mil itens das linhas de suspensão, transmissão, freio, motor e direção, destinadas ao mercado de reposição de veículos leves, pesados e motocicletas.

Anúncio

“Este é um grande salto para garantir alta competividade no mercado nacional e exportação, com todos os padrões de excelência das unidades fabris da Fras-le ao redor do mundo, trazendo um novo diferencial para a Nakata, que já possui expertise em atendimento, serviços, comunicação e proximidade com os profissionais do mercado de reposição”, comenta Jorge Schertel, presidente & CEO da Nakata Automotiva.

LEIA MAIS

Nakata decide fechar fábrica de Diadema

Além da participação de Schertel, o evento de inauguração realizado na quarta-feira, 11, também contou com a presença do CEO da Fras-le, Sérgio Carvalho, e outros dirigentes da empresa, gerando uma transmissão online para os seus 353 funcionários.


Foto: Divulgação/Nakata-Kleber Marques