Por Redação

A linha 2018 do Honda Fit já está na rede de concessionárias da marca. Mas só mesmo o mais atento e aficionado consumidor de automóveis poderá identificar facilmente as ligeiras mudanças promovidas na carroceria do hatch, apenas o terceiro carro da marca mais vendido no mercado interno —16,3 mil unidades de janeiro a agosto, quase 2 mil a menos do que registrara no mesmo período do ano passado.

No entanto, a Honda parece não acreditar que esse tímido desempenho mercadológico tenha a ver com a estética, já que visivelmente economizou nas alterações e atualizações do hatch. Uma ou outra poderá chamar mais a atenção, como sistemas de iluminação diurna com leds, tecnologia adotada também nas lanternas traseiras, e alguns traços novos no para-choque e na grade frontal que dão um aspecto mais esportivo ao conjunto dianteiro.

Anúncio

Essa austeridade, talvez para evitar maiores custos produtivos, foi repetida no interior da nova linha. Afora ar condicionado digital e sistema multimídia mais sofisticado na versão topo EXL, com preço sugerido de R$ 80,9 mil, apenas detalhes foram modificados nas demais DX ( R$ 58,7 mil), LX ( R$ 70,1 mil) e EX (R$ 75,6 mil), todas mais caras do que as disponíveis na linha 2017. Uma nova e mais despojada opção exclusiva para portadores de deficiência, a Personal, sai por R$ 68,7 mil.

 

O reajuste da ordem de R$ 1 mil a R$ 3 mil das outras versões a montadora credita a melhorias não visíveis. Se poupou em estética e acabamento, a Honda tratou de dotar o Fit 2018 de importantes recursos dinâmicos e de segurança, como controle de tração em todas as versões, o obrigatório controle de estabilidade, além de assistente de partida em rampas, dentre outros. Na EX são disponíveis de série agora também airbags laterais e na EXL, mais dois do tipo cortina, totalizando seis dispostivos.

O motor é o para lá de conhecido 1.5 flex, que desenvolve 116 cv, acoplado a uma transmissão manual de cinco velocidades na versão de entrada e a uma CVT em todas as outras versões, inclusive a Personal.


Fotos: Divulgação/Honda