Por Redação

O novo utilitário esportivo compacto da Volvo Cars XC40 ficou de fora do Salão de Frankfurt para ter holofotes exclusivos em inauguração de loja de design em Milão, Itália, o que sinaliza a importância do carro para a montadora.

Além de completar a gama de SUVs da marca sueca, com a oferta de três novos utilitários esportivos globais, o modelo é o primeiro a ser construído sobre a nova plataforma modular de veículos compactos da Volvo Cars, a CMA, como é identificada. Essa será a base para todos os veículos da série 40 da marca, o que inclui os híbridos e os 100% elétricos.

O lançamento no Brasil deverá ocorrer no primeiro semestre do ano que vem e terá como rivais modelos como Range Rover Evoque, BMW X1 e Audi Q3, portanto, na faixa de preço de R$ 150.000 a R$ 200.000. Por aqui, o carro também ocupará a vaga deixada pelo XC60, que cresceu de categoria.

Apesar de menor, o XC40 não deixa de oferecer sofisticação e muita tecnologia, incorporada dos irmãos maiores XC60 e XC90, principalmente relacionada ao tema mais caro da Volvo: segurança. Dentre os itens se encontram assistentes de direção, sistemas de detecção de pedestres e animais com freio automático, além de câmeras de 360 que auxiliam nas manobras.

Anúncio

Na Europa, o consumidor poderá optar por modelo com motores 2.0 turbo a gasolina de 250 cv ou 2.0 turbodiesel de 192 cv, como também versões híbridas e elétricas. Embora não revele mais detalhes, a fabricante ainda adianta que o XC40 será o primeiro a ter novo motor de 3 cilindros.

O XC40 avança também na tecnologia de compartilhamento, os proprietários poderão dividir o carro com amigos e familiares por meio do aplicativo Volvo on Call, que funciona como uma chave digital pelo smartphone.

A produção do novo modelo começará em novembro, na fábrica de Ghent, na Bélgica. “O XC40 é a nossa primeira entrada no segmento de SUVs compactos, ampliando a oferta da Volvo e movendo-a em uma nova direção”, disse em nota Håkan Samuelsson, presidente e CEO.


Foto: Volvo Cars/Divulgação