Por Redação | autoindustria@autoindustria.com.br

A Randon inaugurou oficialmente na quarta-feira, 28, as instalações da sua unidade industrial de Araraquara, SP, que consumiu investimentos de R$ 100 milhões e tem capacidade de produção de até 2 mil unidades/ano, num mix otimizado entre semirreboques e vagões ferroviários.

O objetivo da Randon, nesta primeira etapa, é o de se beneficiar da infraestrutura rodoferroviária existente na região para atender a demanda de produtos característicos do Sudeste do País, utilizados no cultivo da cana-de-açúcar e no transporte de cargas industrializadas.

Na prática a fábrica do interior paulista já vem funcionando desde janeiro, com a contratação, integração e treinamento dos primeiros 65 funcionários. Considerando empregos diretos e indiretos, o quandro de pessoal envolvido chega a 100.
O projeto de expansão começou em 2012, com a assinatura de protocolos de intenção com a Prefeitura de Araraquara e com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Investe São Paulo.

O lançamento da pedra fundamental em terreno com 122 hectares ocorreu em outubro de 2014. A fábrica e a área administrativa ocupam 25 mil m². Para o COO Montadoras do Grupo Randon, Alexandre Gazzi, um dos diferenciais do local é a agilidade permitida pela logística:

Anúncio

”A Randon Araraquara está num polo de grande demanda por produtos voltados ao setor do agronegócio, como os semirreboques canavieiros e os vagões ferroviários. Estamos mais perto de nossos clientes, bem como de fornecedores, contando com excelente infraestrutura de estradas e ferrovias, o que nos permite negócios e entregas mais rápidas”.

A primeira linha de produtos da Randon Implementos implantada na unidade Araraquara foi a de semirreboques canavieiros, fruto de fortes investimentos em pesquisa e desenvolvimento. O produto, segundo a empresa, reúne todas as características para aumento da produtividade e rentabilidade para os clientes do segmento canavieiro.

Desde 1949 – Além da sede em Caxias do Sul, RS, e das instalações de Araraquara, a Randon tem unidades industriais em Chapecó, SC, na cidade de Rosário, Província de Santa Fé, na Argentina, e em Callao, região metropolitana de Lima, Peru. Opera, segundo seus diretores, com um sistema de complementação de linhas de produção com total sinergia entre todas as unidades, de modo a atender todos os mercados.

Fundada em 1949, a Randon é hoje a maior fabricante de reboques e semirreboques da América Latina e está entre as maiores do mundo. Tem uma gama variada de produtos, incluindo semirreboques, reboques e carrocerias, nas modalidades graneleiro, carga seca, tanque, basculante, silo, frigorífico, canavieiro, florestal, sider, furgão, entre outros.

Em 2004, a Randon ingressou no segmento ferroviário, complementando seu portfólio de produtos para o transporte de carga, com os vagões do tipo hopper, gôndola, tanque, carga geral, sider e plataforma, entre outros.


Fotos: Divulgação/Randon