Na última rodada de resultados do ano dos ensaios de segurança encabeçados pelo Latin NCAP, o novo Toyota Corolla mais uma vez alcançou cinco estrelas, a nota máxima, para a proteção de adultos e crianças.

Equipado com controle eletrônico de estabilidade e sete airbag como padrão em todas as versões, o modelo produzido na fábrica de Indaiatuba (SP) se mostrou eficiente na proteção dos ocupantes nos três cenários de colisão: frontal, lateral e lateral de poste.

Segundo relatório do programa de avaliação, o modelo mereceu ainda dois Latin NCAP Award em função de ter como opcional o recurso de frenagem autônoma de emergência.

“O novo Corolla já oferece vários aspectos de segurança que o Latin NCAP introduzirá no novo protocolo de 2020, mostrando uma liderança clara”, observa em nota Alejandro Furas, secretário geral do Latin NCAP.

LEIA MAIS

→VW coleciona modelos com nota máxima do Latin NCAP

→Renault renova Sandero, Logan e Stepway

→Novo Corolla: 15 novos fornecedores, 1,3 mil itens nacionalizados.

Anúncio

Novas avaliações com a família Renault Sandero, Logan e Stepway também mostraram aprimoramentos da fabricante na construção dos modelos recém-renovados. A fabricante adicionou dois airbag para peito e cabeça, além de oferecer controle eletrônico de estabilidade como opcional.

De acordo com o relatório, a proteção para os ocupantes aumentou. Se no ano passado os modelos tinham obtido apenas uma estrela para proteção de adultos e quatro para criança, agora avança com três estrelas para adultos.

“Esses últimos resultados do ano confirmam mais uma vez as boas práticas que alguns fabricantes estão adotando na região, oferecendo veículos mais seguros, graças à pressão que os consumidores estão exercendo”, resume Ricardo Morales Rubio, presidente da Comissão Diretiva do Latin NCAP. “No entanto, ainda há muito a fazer, pois alguns fabricantes ainda fazem diferenças entre os veículos que vendem em outras regiões do mundo e nas nossas.”


Foto: Latin NCAP/Divulgação